Garganta Inflamada – O que Fazer, Principais Sintomas e Remédios

por Redator
em Saúde
4 de setembro de 2013
 Garganta Inflamada   O que Fazer, Principais Sintomas e Remédiospinit fg en rect gray 20 Garganta Inflamada   O que Fazer, Principais Sintomas e Remédios

Por mais simples que possa parecer em um primeiro momento, ter uma inflamação na garganta pode causar muita irritação e sérias dificuldades para a pessoa que se adoentar, isso porque a garganta inflamada causa uma sensação de irritabilidade e constante ardência nas “paredes” da região, sem falar da grande dificuldade para engolir alimentos sólidos e até mesmo os líquidos.

Este problema pode ser causado tanto por vírus quanto por bactérias, sendo que normalmente na apresentação de febre baixa (menos de 38ºC), a garganta pode estar inflamada devido a uma infecção viral. Já na presença de febre alta (mais de 38ºC), é muito alta a chance de ter ocorrido uma infecção bacteriana.

Garganta Inflamada – O Que Fazer?

Independente do que quer que esteja causando esta infecção, é de fundamental importância consultarmos um médico aos primeiros sinais e sintomas, para que cuidemos corretamente do problema sem ter quaisquer consequências mais graves, pois somente este profissional poderá prescrever um tratamento a base de antibióticos corretamente.

Remédios Caseiros

É claro que uma consulta ao médico é indispensável como dissemos anteriormente, porém, sabemos também que existem plantas com altas propriedades medicinais e que podem aliviar os principais sintomas apresentados pelos pacientes durante uma crise de dor de garganta.

Se a causa da infecção for principalmente viral, ela poderá ser tratada inicialmente com plantas medicinais com propriedades mucilaginosas e antiflogísticas, pois as mesmas podem aliviar os sintomas da garganta inflamada e ainda podem estimular a função “auto-curativa” das mucosas.

Ótimos exemplos destas plantas com propriedades medicinais para alívio da dor de garganta são a malva, sálvia, alteia e camomila, sendo que todas podem ser consumidas através da preparação de chás, sempre na proporção de 1 colher de sopa da erva escolhida para cada xícara de água fervente.

Outras sugestões de “remédios caseiros” que recomendamos e que são excelentes para combater as dores de garganta são os seguintes:

Maçã com mel

Evite primeiramente consumir líquidos gelados ou muito quentes, pois os mesmos podem causar ainda mais irritação no local devido as temperaturas extremas.

Para aliviar as dores, fatie uma maçã, cubra com mel e deixe descansando por três minutos e consuma. Esta fruta tem a propriedade de reduzir a inflamação local enquanto o mel tem ação lubrificante e calmante. Ingira cerca de duas unidades ao longo do seu dia.

Gengibre

O gengibre pode ser utilizado para tratar de uma simples gripe, dores na garganta, má digestão, entre outros. Ele auxilia a aliviar amigdalite, gripes, resfriados, gases, cólicas e dores musculares. Prepare-o na forma de chá e ingira-o pela manhã, à tarde e à noite. Ele não é indicado apenas para gestantes com menos de 3 meses de gravidez.

Limão

Outra simples e eficiente receita caseira são os gargarejos a base de suco de limão com água morna e uma pitada de sal, que podem ser feitos o dia todo e realmente trazem alívio aos sintomas e incômodos da inflamação.

Confira no vídeo abaixo mais algumas informações e práticas que podem ser muito úteis no alívio dos sintomas.

Principais Sintomas da Garganta Inflamada

Um paciente para ter diagnosticado realmente que está com uma inflamação de garganta, precisa apresentar alguns ou todos os seguintes sinais e sintomas:

  • desconforto (irritação e ardência) na região das paredes da garganta;
  • dor na região ao tentar engolir alimentos líquidos e/ou sólidos;
  • dificuldade de falar;
  • apresentação de vermelhidão e inchaço na garganta;
  • febre menor que 38ºC (provavelmente infecção viral);
  • febre maior que 38ºC (provavelmente infecção bacteriana);
  • ocasionalmente pode ocorrer presença de mal hálito.

Principais Causas

Dentre as principais causas da garganta inflamada, podemos citar as relacionadas abaixo:

Faringite

A faringite nada mais é do que uma inflamação na faringe, como o próprio nome diz. A faringe é uma estrutura da garganta que fica localizada no final da boca. Geralmente a infecção nesta região é causada por vírus, porém, se não tratada poderá evoluir para uma amigdalite bacteriana. A inflamação desta região da garganta também pode ter como causas uma sinusite ou então o refluxo.

Dentre os principais sintomas da faringite estão: dor ao engolir alimentos, dor ao falar e até mesmo ao bocejar, mal-estar geral, vermelhidão na parede no fundo da boca e furinhos vermelhos chamados aftas. Se a infecção for bacteriana, poderá ocorrer ainda formação de placas de pus.

O tratamento desta inflamação poderá ser administrado com uso de analgésicos e antitérmicos (dipirona ou paracetamol). Porém, caso não ocorra melhora após um dia tomando esta medicação, procure rapidamente um médico, pois a infecção pode ser bacteriana e você necessitará tomar antibióticos.

Amigdalite

Como o nome também já revela, a amigdalite nada mais é do que uma inflamação nas amígdalas (tecidos arredondados que ficam um de cada lado na parede lateral da garganta). Geralmente as apresentações de inflamação nesta região se dão por infecção viral, porém, infecções causadas por bactérias também podem ser frequentes.

Entre os principais sintomas referidos pelos pacientes estão: dor intensa na região principalmente para engolir os alimentos, sejam eles sólidos ou líquidos, presença de febre, mal-estar geral e indisposição para quaisquer atividades.

Um fato importante a se observar em relação as amígdalas é a seguinte: caso estejam inchadas e a região avermelhada, podemos suspeitar de uma infecção viral, já se houverem aparições de feridas vermelhas com placas de pus, certamente teremos uma infecção causada por bactérias.

O tratamento da amigdalite viral se dá do mesmo modo que as indicações feitas para a faringite (com analgésicos e antitérmicos), porém, novamente, se você identificar o “pus”, marque uma consulta com seu médico o mais rápido possível para combater uma possível infecção bacteriana.

Laringite

Deve-se tomar cuidado para não confundir a laringite ( região da laringe localiza-se mais abaixo no pescoço, na região do “pomo de Adão”, onde a voz é produzida) com a faringite. Normalmente, a inflamação da laringe acontece é causada por vírus e esta região é localizada apenas por médicos especializados no assunto.

Dentre os principais sintomas da garganta inflamada nesta região estão: apresentação inicialmente de dor localizada na região da laringe, logo após isso poderá ocorrer uma rouquidão e por fim surgir uma tosse seca e irritativa.

O tratamento desta inflamação na garganta novamente é baseado no proposto para a faringite, porém, caso a rouquidão dure mais de uma semana, marque uma consulta com seu médico, principalmente se você consome bebidas alcoólicas e fuma muitos cigarros. Esta necessidade se deve ao fato de descartarmos ou então diagnosticar brevemente possíveis complicações, como câncer na laringe por exemplo.

No vídeo abaixo você confere mais informações sobre as principais causas da dor e inflamação da garganta.

Por fim, recomendamos mais uma vez que você se dirija brevemente a um médico especialista para ter o diagnóstico correto do seu problema, evitando assim possíveis complicações tardias.

Caso deseje colaborar com alguma informação basta utilizar o formulário de comentários logo abaixo.

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado Campos obrigatórios são marcados *

Você pode usar estas tags e atributos de HTML: <a href="" title=""> <abbr title=""> <acronym title=""> <b> <blockquote cite=""> <cite> <code> <del datetime=""> <em> <i> <q cite=""> <strike> <strong>

facebook comments: